[RESENHA] Resquícios do infinito - AK Alves


Sinopse: Eduardo tinha tudo para ser um garoto bem sucedido e lutava por isso com a certeza de que conseguiria tudo o que almejava. Henrique, um eterno admirador do universo, nunca fez planos, pois acreditava que a vida era curta demais para ser pré- moldada. Inevitavelmente, ele descobriu da pior forma que tinha razão. O que dois jovens com realidades tão distintas teriam em comum? Esta é uma história sobre amor e dor e principalmente, sobre os resquícios do Infinito que há em cada um de nós.

Autor(a): AK Alves

Páginas: 28





 Henrique e Eduardo possuem realidades diferentes, mas infelizmente em alguns aspectos podem ter mais em comum do que imaginam.
 Nesse pequeno conto, conhecemos Henrique. Um jovem humilde, que vive na fazenda onde seus pais trabalham e é um eterno sonhador. Seu coração está nos céus.
 Henrique é completamente apaixonado pelos astros desde pequeno e, em seu coração, traz grandes sonhos.
 Eduardo é um rapaz que tem ótimas condições de vida sendo um YouTuber conhecido, no entanto, sua vida não é tão fácil. Mesmo sendo um rapaz inteligente e dedicado, sua orientação sexual é motivo de problemas dentro de casa, contudo, nada disso é motivo para desanimá-lo.
 Esses dois jovens não podem nem imaginar o que a vida lhes reserva, nem de bom e nem de ruim. Entretanto, apesar das surpresas ruins, quando se conhecem, o pequeno mundo que criam com um amor tão doce é capaz de carregar o peso de todos os problemas.
 Um conto curto, porém que emociona. A leitura flui fácil e traz um quentinho no coração, além de lágrimas aos olhos também. Não posso falar muito mais para não dar spoiler, mas prepare a caixinha de lenços.
 O conto está disponível na Amazon!



4 comentários

  1. Oi Vanessa.

    Eu não conhecia este conto, mas pela sua resenha eu fiquei com vontade de lê-lo. Parece ser bem interessante e emocionante. Já estou adicionando na lista de desejados. Obrigada pela dica.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kênia,

      Espero que goste também!

      Obrigada pela visita, beijos.

      Excluir
  2. Olá, tudo bem? Apesar de ser um conto bem curtinho tenho certeza que vou me emocionar com essa narrativa, principalmente pelo fato da família não aceitar, mas ainda assim espero ler assim que possível!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dayhara!

      Leia sim, é uma leitura rápida, mas muito fofa!

      Beijos, e obrigada pela visita.

      Excluir