E se de repente você perdesse a visão? Sem doença nem motivo aparente. Você leva uma vida normal e do nada....Não consegue mais enxergar? Mas em vez de uma cegueira normal em que você vê tudo negro, você vê tudo branco...

Como se mergulhasse em um mar de leite? E se de repente você descobre que esse fenômeno não acontece só com você, mas parece ser proveniente de uma epidemia? Com essas perguntas em mente o escritor lusitano José Saramago escreve Ensaio sobre a Cegueira, um livro que mistura realismo e futuro distópico. 



Sinopse: Um motorista parado no sinal se descobre subitamente cego. É o primeiro caso de uma "treva branca" que logo se espalha incontrolavelmente. Resguardados em quarentena, os cegos se perceberão reduzidos à essência humana, numa verdadeira viagem às trevas.

Ensaio sobre a cegueira é a fantasia de um autor que nos faz lembrar "a responsabilidade de ter olhos quando os outros os perderam". José Saramago nos dá, aqui, uma imagem aterradora e comovente de tempos sombrios, à beira de um novo milênio, impondo-se à companhia dos maiores visionários modernos, como Franz Kafka e Elias Canetti. Cada leitor viverá uma experiência imaginativa única. Num ponto onde se cruzam literatura e sabedoria, José Saramago nos obriga a parar, fechar os olhos e ver. Recuperar a lucidez, resgatar o afeto: essas são as tarefas do escritor e de cada leitor, diante da pressão dos tempos e do que se perdeu: "uma coisa que não tem nome, essa coisa é o que somos".

Autor: José Saramago
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 312

     Olá, como vão? De uns tempos para cá, as séries e filmes espanhóis ganharam grande visibilidade aqui no Brasil, graças a Netflix, que trouxe grandes séries de  sucessos como La Casa de Papel, Elite, O tempo entre Costuras, A Catedral do Mar, bem como excelentes filmes como é o caso do belíssimo Sob a Pele do Lobo. Hoje venho falar um pouco sobre a maravilhosa série: As Telefonistas.


Sinopse:  A companhia telefônica nacional abre sua sede no centro de Madrid e centenas de garotas fazem fila para conseguir um emprego como telefonista no único lugar que representa o progresso e a modernidade para as mulheres da época. Quatro meninas, de origens muito diferentes, começam a trabalhar como operadoras. A partir desse dia, o ciúme, a inveja e a traição passam a se confundir com o desejo de sucesso, amor e amizade.
Título Original: Las Chicas del Cable
Direção:Carlos Sedes
Elenco: Ana Polvorosa, Blanca Suárez. Meggie Civantos, Ana Fernandéz, Concha Velasco, Iria Del Rio, Martiño Rivas, Nico Romero, Sergio Mur, Yon González.


Qual seria a sua reação se você se deparasse com uma montanha de corpos?

Um dia, Michel e seus amigos resolvem se aventurar num lado que eu considero mais deserto da cidade onde moravam chamada Vale Velho, e se deparam com inúmeros corpos aglomerados.

Depois de algum tempo os olhos de Michel começaram a distinguir o que eram aquelas coisas. Corpos de pessoas enfiados dentro de sacos plásticos, amontoados no fundo do barranco com lixo.

E é então que ambos resolvem investigar quem estaria por trás de todas aquelas mortes, e também dos recentes desaparecimentos que vinham ocorrendo na cidade.


Sinopse: Nada nunca acontecia em Vale Velho, mas quando acontecia nunca era uma coisa boa. Michel, um garoto problemático e rebelde, sabia disso e odiava a cidade onde nasceu e cresceu. Passava os dias lentos da cidade e as suas surpresas desagradáveis com pequenas distrações e na companhia de seus amigos, que pouco a pouco iam embora para outros lugares. Mas sua vida muda quando sem querer ele se envolve em uma série de crimes estranhos e uma garota misteriosa se muda para a casa ao lado.










Autor: Pablo G. D. Carvalho
Editora: Chiado
Páginas: 247



A resenha de hoje conta um pouquinho desse suspense tendo como protagonista um garoto rebelde chamado Michel, ele não gosta da cidade em que vive e a única coisa que o consolava eram seus amigos.

Ao decorrer da leitura, vocês vão se deparar com um suspense repleto de surpresas, amizades e aquela pitadinha de romance. Michel, ainda se apaixona por uma misteriosa garota que se muda para a cidade.

Primeiro que ele não a beijou. Foi ela que o beijou. Ela o agarrou pelo rosto quase como uma predadora e roubou o melhor beijo da sua vida



Confesso que, apesar de ter gostado muito da história e principalmente do final dela, algumas atitudes do nosso protagonista me incomodou um pouco.

Peço desculpas por não contar mais para vocês, mas é que eu gosto de deixá-los curiosos e com vontade de conhecer a história. Por isso, optei por uma resenha bem objetiva.

“Ela vem à noite” é um daqueles livros que não te faz desgostar de um capítulo ou outro, pois cada capítulo é mais legal que o outro.



     Pandora tinha todo o seu futuro planejado, e nele não constava um marido. Acontece que mesmo com o apoio de sua família, o destino tinha outros planos para ela...


Sinopse: Lady Pandora Ravenel é muito diferente das debutantes de sua idade. Enquanto a maioria delas não perde uma festa da temporada londrina e sonha encontrar um marido, Pandora prefere ficar em casa idealizando jogos de tabuleiro e planejando se tornar uma mulher independente.

Mas certa noite, num baile deslumbrante, ela é flagrada numa situação muito comprometedora com um malicioso e lindo estranho.
Gabriel, o lorde St. Vincent, passou anos conseguindo evitar o casamento, até ser conquistado por uma garota rebelde que não quer nada com ele. Só que ele acha Pandora irresistível e fará o que for preciso para possuí-la.
Para alcançar seus objetivos, os dois fazem um acordo curioso, e entram em uma batalha de vontades divertida e sensual, como só Lisa Kleypas é capaz de criar.


Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Páginas: 302



No segundo livro da série, Anne Shirley está com seus 17 anos e se torna a nova professora de Avonlea! Apesar das responsabilidades e já ser considerada adulta pela sociedade Lucy M. Montgomery não esquece de mostrar o lado inocente e alegre de Anne Shirley. Nesse segundo volume Lucy M. Montgomery continua a nos cativar com seus personagens bens construídos e humor único com picadas de sarcasmo e ironia.

Sinopse: Anne Shirley, agora com quase 17 anos, é a nova professora da escola rural e uma ativa participante de grupos de desenvolvimento para Avonlea. Seu temperamento, no entanto, é o mesmo. Continua a alegre, graciosa e deliciosamente adorável personagem que era em Anne de Green Gables, só que adicionado o charme da sua feminilidade crescente. Novos e agradáveis personagens são apresentados no segundo volume da série, trazendo ainda mais brilho à história.
Nesta clássica sequência de Anne de Green Gables, Lucy Maud Montgomery mais uma vez surpreende o leitor ao retratar suas memórias juvenis da Ilha de Príncipe Edward, a antiga vila de Avonlea, situada entre as belezas naturais da costa canadense.

Autor: Lucy Maud Montgomery
Editora: Pedra Azul Editora
Páginas: 240

 Às vezes nossos traumas são nossos maiores inimigos. No caso de Norah Hale, eles a impedem de encontrar a verdadeira felicidade.


Sinopse: Norah Hale vive de maneira reservada ao lado de seu filho Theo. Como consequência de um incidente quando tinha apenas dezesseis anos, foi diagnosticada com um transtorno, e assim, tenta passar despercebida no hospital onde trabalha, na cidade de Chicago.
Ela tem uma paciente por quem nutre um carinho bem especial, Sophie, filha do cirurgião plástico, Richard Grayson. Ele é um dos poucos médicos que têm o prazer de encontrar a Princesa Gelada, como a pediatra é conhecida, pelos corredores.

Autora: Tailany Barreto
Editora: Sekhmet
Páginas: 290





E quando chega a hora de dizer adeus?

Se existe uma certeza que temos na vida é a morte, e que um dia teremos que lidar com ela.


Sinopse: “Cadê vocês? Me respondam.”
Essa foi a última mensagem que Carver mandou para seus melhores amigos, Mars, Eli e Blake. Logo em seguida os três sofreram um acidente de carro fatal. Agora, o garoto não consegue parar de se culpar pelo que aconteceu e, para piorar, um juiz poderoso está empenhado em abrir uma investigação criminal contra ele. Mas Carver tem alguns aliados: a namorada de Eli, sua única amiga na escola; o dr. Mendez, seu terapeuta; e a avó de Blake, que pede a sua ajuda para organizar um “dia de despedida” para compartilharem lembranças do neto. Quando as outras famílias decidem que também querem um dia de despedida, Carver não tem certeza de suas intenções. Será que eles serão capazes de ficar em paz com suas perdas? Ou esses dias de despedida só vão deixar Carver mais perto de um colapso — ou, pior, da prisão?



Autor: Jeff Zentner
Editora: Seguinte
Páginas: 385