[Resenha] Série - Arrow


Olá gente!

            Hoje vamos falar sobre Arrow, esqueça tudo que você sabe sobre heróis, deixem seus “não gosto desse tipo de série” de lado e venham conhecer essa série que ganhou meu coração.



















Sinopse: O jovem bilionário Oliver Queen é dado como morto após um grande naufrágio. Cinco anos depois, ele é encontrado com vida em uma remota ilha do oceano pacífico. Quando retorna para sua casa em Starling, sua mãe Moira, irmã Thea e melhor amigo Tommy dão as boas-vindas, porém, percebem que Oliver mudou. Enquanto Oliver esconde a verdade sobre quem se tornou, ele tenta desesperadamente amarrar as pontas soltas de sua antiga vida. A mais importante delas é se reconciliar com Laurel Lance, a antiga namorada. Conforme se reconecta com as pessoas ao seu redor, Oliver secretamente cria Arrow, um vigilante que luta contra os males da sociedade, restaurando a antiga glória da cidade. Porém, o pai de Lauren, Detetive Quentin Lance, está determinado a prender o novo herói. Enquanto isso Moira, a própria mãe de Oliver, esconde informações sobre o naufrágio, se mostrando uma mulher implacável e cruel, trazendo consequências que não podemos nem mesmo imaginar.



Informações

Gênero: Ação e aventura
Canal original: CW
Ano de lançamento: 2012
Temporadas: 7 temporadas
Status: Continuação
Onde assisto: Netflix e Series para assistir online


Personagens Principais

Oliver Queen (Stephen Amell) - Antes do seu tempo na ilha, Oliver foi um garoto mimado, bad boy que não se importava com ninguém. Ele também era tranquilo, egoísta e manipulador. Ele foi submetido a uma rápida mudança em sua personalidade quando seu pai se matou, de modo que Oliver poderia sobreviver e corrigir seus erros. Na ilha, ele é inspirado por Slade Wilson, que se torna um de seus mentores e ensina-lhe quase tudo o que ele sabe, e usa para o combate ao crime mais tarde. Ao retornar à civilização, ele tenta fazer as pazes com a sua família e Laurel. A fim de manter sua identidade em segredo, ele se torna responsável, disciplinado, inteligente, confiante, um pouco impulsivo, e um indivíduo que sempre olha para os outros.


Felicity Smoak (Emily Bett Rickards) - Inteligente, ambiciosa, trabalhadora e mulher tech-savvy que é altamente confiante em suas habilidades no computador. Embora ela não procure problemas, também não se afasta do perigo, especialmente quando há um mistério a ser resolvido. Ela também é uma pessoa bastante paciente e indulgente, como ficou provado quando ela atende pedidos estranhos de Oliver Queen, apesar das mentiras óbvias que ele lhe conta e da natureza dúbia e perigosa das tarefas que ele dá a ela.



John Diggle (David Ramsey) - Como membro da equipe do Oliver, John é seu parceiro e desempenha uma série de funções, incluindo suporte em campo, isca e orientação para Oliver em momentos de dúvida. John tem um profundo ódio por Floyd Lawton por matar seu irmão Andy e estava em uma missão para encontrá-lo e matá-lo.






Laurel Lance (Katie Cassidy) - Laurel é idealista, inteligente, trabalhadora e luta arduamente para conseguir o que quer. Ela começa a série como advogada competente e honrada e trabalha para defender os inocentes, apesar da corrupção em Starling City. Ela é descrita também como teimosa, agressiva e independente. Laurel  é durona e sabe cuidar de si mesma e não pode resistir a salvar pessoas de situações difíceis,




Quentin Lance (Paul Blackthorne) - Descrito como um "policial rude e determinado" que acredita que a justiça só possa vim da lei e da ordem. Ele é arrogante ao ponto, de pensar que pode ir à casa de uma pessoa sem um mandando de busca ou um mandado de prisão, quando disse: "Eu tenho um distintivo e uma arma, que diz o contrário". Seus costumes e crenças sobre a verdadeira justiça vem da lei e da ordem, e suas crenças sobre Arrow ser uma ameaça para a cidade, mudam depois de descobrir pelo próprio um plano para destruir o Glades e matar todos que nele residem. Em seguida, ele para de tentar prender o “justiceiro”, quando percebe que ele é realmente uma pessoa boa e que faz o bem para cidade.



Minha opinião

Conheci a minha série preferida do universo dos heróis graças a um crossover em Flash. Primeiro apareceu a Felicity com todo seu jeito engraçado de ser, depois apareceu o Oliver e a partir daí não aguentei de curiosidade e fui conferir o primeiro episódio na Netflix para ver se gostava e o resultado foi que assisti duas temporadas completas em uma semana.

O que eu mais gostei nessa série além do ar sombrio é o fato do Oliver não se prender a moralismos, ou seja, ele não é um herói que tem uma imagem a zelar, ele é um justiceiro e não mede esforços para concluir sua missão, que apesar de ter um cunho bem nobre torna ele um assassino e o desenvolvimento disso é muito interessante.

Nas primeiras temporadas (hoje estou na 6ª) a série conta com flashbacks que explicam o que aconteceu no passado do Oliver e geralmente tem haver com o que o personagem está enfrentando no presente. Por algum tempo esse recurso funcionou muito bem, mas depois da terceira temporada (se não me engano) ficou cansativo e graças a Deus os produtores abriram mão disso.

Uma série que conta com tantas temporadas não pode ser 100%, existem algumas histórias fracas, alguns erros que me incomodaram muito, pois quase destruíram algo muito positivo por tentarem forçar a barra em algo que funcionava muito bem sem toda uma problemática que a meu ver foi desnecessária.

Ao longo desses anos muitos personagens entraram e saíram da série, alguns me matam de saudade, outros graças a Deus seguiram seu caminho, mas algo que Arrow tem de constante é o fato de fazer bons personagens virarem uns pé no saco e abrir mão de outros maravilhosos (que às vezes dão as caras e quando isso acontece é só alegria).

Independente de algumas temporadas fracas (a quarta, por exemplo) eu nunca pensei em desistir da série ou achei que estava na hora de encerrar as atividades, sempre tive esperanças de um ressurgimento e fico feliz em informar que a série parece ter voltado aos trilhos, às vezes desliza, mas continua seguindo seu caminho e me agradando bastante.

Uma coisa importante é que Arrow faz parte do mesmo universo de Flash, Supergirl (saiba mais AQUI) e Legends of Tomorrow (que eu não assisto), então ocorrem crossovers bem legais e que levam os fãs a loucura, então vale a pena conhecer as outras séries também.

Espero que tenham gostado da dica, para quem não conhecia ou não é chegado em séries de heróis, peço uma chance, pois a pegada de Arrow é um pouco diferente e a história vale a pena.  

Promo




Beijos e até a próxima!


Um comentário

  1. Que série incrível! Ainda preciso terminar, eu a encontrei do mesmo jeito que você haha Tava lá assistindo o meu Flash e conheci esses personagens e foi muito legal, foi divertido o que fizeram.
    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir