[Resenha] Nunca Julgue Uma Dama Pela Aparência - Sarah MacLean



Olá gente!

            Hoje a resenha é sobre o último livro da série Clube dos Canalhas e eu estou aqui para contar para vocês o que eu achei de Nunca Julgue uma dama pela roupa, *Alerta spoiler*, já estou querendo reler tudo de novo de tanto que estou apaixonada.


Nunca Julgue Uma Dama Pela AparênciaSinopse: Duncan West, assim como todos os homens, enxerga apenas o que quer... Mas ele estava prestes a ver o que não queria.
Para a aristocracia, Lady Georgiana é a pobre irmã de um duque, rejeitada pela família após ter sido arruinada no pior tipo de escândalo possível: uma mulher que fez escolhas infelizes ao entregar-se de corpo e alma para um rapaz que todos desconhecem. Mas a verdade é sempre muito mais chocante! Nos recônditos mais obscuros de Londres, Lady Georgiana é a mulher mais poderosa da Grã-Bretanha, a rainha do submundo londrino, e atende pelo nome de Chase, o lendário e temido fundador do cassino mais exclusivo da cidade, o Anjo Caído. Circulando disfarçada pelos corredores de seu império, Chase sabe dos piores segredos dos figurões da sociedade e tem todos os poderosos na palma de sua mão, mas durante anos os seus próprios mistérios nunca foram descobertos Até agora! Brilhante, inteligente e bonito como o pecado, o jornalista Duncan West está intrigado com a linda mulher que de alguma forma está ligada a um mundo de trevas e perdição. Ele sabe que Georgiana é muito mais do que parece e promete desvendar todos os seus segredos, expondo seu passado, ameaçando seu presente e arriscando tudo o que ela tem de mais precioso. Inclusive seu coração.

Autora: Sarah MacLean
Editora: Gutenberg
Páginas: 320




            Chegamos ao último livro da série dos canalhas e eu posso afirmar que fiquei encantada pela escrita da Sarah MacLean, os livros vieram em uma crescente impressionante, em todos os aspectos, conhecemos pelo caminho personagens diferentes, com seus dilemas, porém conectados por lealdade, amizade e ruína.

            O primeiro livro trata de vingança, o segundo e o terceiro de redenção e o quarto e últimos de segredos e seu poder destrutivo. Fiquei encantada com a crescente que veio a série, para quem leu as resenhas anteriores deve ter percebido que eu fui me envolvendo conforme a história foi ganhando forma e se aprimorando, o segundo livro ainda é meu favorito, mas “Nunca julgue uma mulher pela roupa” trás em suas páginas uma mensagem de força incrível.


            Nossa protagonista é Georgiana, uma filha de duque arruinada por uma noite de amor quando tinha dezesseis anos, o que lhe gerou uma filha e lhe rendeu um belo escândalo. Após esse acontecimento Georgiana decide tomar as rédeas de sua vida e é a partir daí que nasce seu grande segredo, um segredo que eu não vou contar qual é, mas me fez puxar os cabelos de tanta frustração ao longo da leitura, pois segredos são tão perigosos quanto o amor e desses dois elementos esse livro está recheado.

            Duncan é jornalista, dono de todos os jornais importantes de Londres e um homem muito poderoso, mas esconde seu próprio pecado, um que pode por não só a perder sua vida como arruinar tudo ele construiu para irmã Cynthia. Seu grande aliado é o fundador e sócio misterioso do Anjo Caído, sim estou falando do Chase, não sei se já leram a resenha passada, mas eu terminei o livro com a impressão de que Chase é um tremendo egoísta e manipulador, coisa que se mostra certa e errada quando Duncan declara guerra contra o poderoso chefão, tudo isso pelo motivo certo, proteger Georgiana das garras desse sócio temido e junto proteger seu próprio segredo que está sendo ameaçado de vir à tona, mas ele não sabia que seu coração ia acabar por ser perdido nessa batalha de poder e segredos.


            Esse livro é maravilhoso por muitos motivos, o romance é envolvente, os diálogos são bem trabalhados e desenvolvidos, os segredos e a falta de confiança deixa uma atmosfera de tensão durante a leitura, tudo é bem encaixado, explicado e executado, tornando deste um livro impressionante. Mas o seu ponto alto mesmo é a representação de força feminina, Georgiana sofreu por acreditar no amor, viu sua vida ruir, mas se reergueu linda, dona de si e com uma força admirável.

             Algumas passagens do livro fazem menção a responsabilidade ter recaído apenas em Georgiana , enquanto o “pai” segue livre de responsabilidades, social, afetiva e financeira. Me peguei pensando “nossa, como isso é atemporal”, como é triste constatar que uma problemática de um livro de época pode ser tão atual, complicado, não é mesmo? Além de apontar a realidade da mulher perante a sociedade machista de qualquer época, esse livro levanta a bandeira de empoderamento feminino abertamente, nas roupas, nas escolhas e na maneira de viver a vida, por mais que se sinta obrigada a se adequar para que a filha possa ter um futuro promissor na sociedade ela sabe quem é, faz as regras de seu jogo e nunca joga para perder.


            Tirei meu chapéu para a personagem muitas e muitas vezes, mas principalmente por ela ter bancado a criação da filha, não escondeu, não deu a menina para adoção, nem renegou sua responsabilidade, apenas fez o melhor e criou uma menina impar, que aos nove anos já é dona de seu nariz e se a Sarah quiser pode ser protagonista de sua próxima história com facilidade.

            Chego ao fim dessa jornada tendo ganho uma mão de sorte nesse jogo da leitura, fiquei completamente admirada pela escrita da Sarah e pretendo ler muitos outros livros de sua autoria, Clube dos canalhas me reabriu as portas dos livros de época, e eu sou muito grata, pois estava morrendo de saudade desse universo arrebatador.

Não deixem de conferir toda a série, tentem ao máximo seguir a ordem cronológica, pois os personagens dos livros anteriores aparecem nos demais livros e isso é um baita spoiler. No mais fica aqui minha mais sincera indicação de uma leitura deliciosa.


Classificação


Beijos e até a próxima!
           



12 comentários:

  1. Eu empaquei no segundo dessa série, mas pretendo ainda finalizar, eu gostei muito da série que vem antes dessa, Sarah me encantou nessa outra série, mas essa foi um tanto complicado para mim, mas ainda assim tentarei, adorei sua resenha e sua opinião.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Confesso que a capa, logo de cara, não me chamou muito a atenção, porém lendo tua resenha fiquei com bastante vontade de ler essa série inteira. Adorei a dica!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  3. Tudo bem?
    Sempre vejo muitos leitores tecerem vários elogios para essa série.
    Eu não a li, então não tenho uma opinião formada, apenas a curiosidade de conferir o que tanto essa leitura tem que agrada muitos leitores.

    Obrigada pela dica.

    Beijos.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Thaysa tudo bem?
    Não é uma leitura que eu faria porque não curto o gênero literário. Mas deu pra sentir que realmente gostou da série lendo a sua resenha. É tão bom quando o autor / autora constrói bem os personagens e os diálogos, né? =D
    Adorei a resenha

    Beijos

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  5. Olá! Eu estou com essa série na minha lista de desejados já tem algum tempo, mas ainda não tive a oportunidade de ler e conferir. Adorei a trama desse livro, a premissa dele parece ser do estilo de livro que amo. Espero conseguir conferir em breve!

    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Ainda não conheço a a escrita da Sarah, mas só em saber que você já quer reler esse livro me anima a querer conferir a história Georgiana e Ducan e o livro já começa me chamando a atenção pela capa, diferente das mocinhas que costumamos ver, depois saber que a protagonista vai contra o esperado da época me anima ainda mais para conferir essa série. É dica anotada.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Nunca li nada da Sarah, mas essa série já está na minha lista de desejados a algum tempo, e a cada resenha que leio fico ainda mais ansiosa em realizar a leitura.
    Gosto de romances de época e gostei bastante da premissa de "Nunca Julgue uma dama pela aparência"... realmente, algumas problemáticas são atemporais.
    Parabéns pela resenha, espero poder conferir a série em breve.

    ResponderExcluir
  8. Que dica mais interessante! Eu não conhecia essa série e já quero muito ler, adorei poder conferir a sua opinião sobre a leitura deste volume.

    ResponderExcluir
  9. Eu amei o título e capa! A sua resenha está uma delícia de ler e adorei saber que em cada livro é trama foi crescendo, isso já me cativou sem falar no fato de eu ainda não ter lido nada da autora e quero muito conhecer a escrita dela. Ah! Fiquei muito curiosa para saber o segredo de Georgina.
    Caramba e você não vai acreditar, hoje vendo meus livros peguei o primeiro dessa série na mão e acabo de descobrir que tenho o primeiro livro, então é uma mensagem para eu ler já.

    Bjos
    Tânia Bueno

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem? Ah que saudades dessa série da Sarah Maclean. Para mim é a melhor da autora e a que mais funcionou comigo hahaha A capa e o título dá muito spoiler sobre o livro, mas mesmo assim adorei haha Gostei da linha que você fez entre os livros e em falar que essa é sobre segredos. Não é meu favorito, mas gostei bastante quando realizei a leitura. Adorei a resenha!
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Eu adorei este livro, mesmo já tendo identificado quem era o personagem misterioso. Em relação a nossa personagem, tirei o chapéu para ela, justamente pelas atitudes dela que você exaltou.
    Bjos Rose

    ResponderExcluir
  12. Oi Thaysa, sua linda, tudo bem?
    Todos falam tão bem dessa autora e eu ainda não consegui ler nada dela. Dessa leva de romances de época não li nenhum livro com esse enredo da mulher estar grávida sem marido. Não era fácil, por isso gostei muito que ela assumiu o filho e não lhe deu para a adoção. Não vejo a hora de ler.
    Beijinhos.
    Cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Garotas Devorando Livros - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo