[Resenha] City Seven - Felipe Miranda



Sinopse: "City Seven é apenas uma das inúmeras cidades presentes nesta história. Muito antes de você, eu ou qualquer um nascer fomos criados por seres desconhecidos, nossa realidade é apenas uma simulação em busca de um propósito maior. Sonny (um dos criadores) vem para nosso mundo resolver problemas que ameaçam o fim dessa realidade. Ao mesmo tempo em que procura finalizar sua missão Sonny observa de perto os humanos, tudo isso relatado em um misterioso diário. Será o fim da humanidade? Filosofia, ficção científica e linhas do tempo é o que você vai encontrar. Está pronto para descobrir?"

Autor: Felipe Miranda
Editora: Felipe Miranda
Paginas: 162
Disponível: Loja da Amazon


City Seven conta a história de uma realidade onde a Terra foi criada por outros seres. E em um determinado momento, foram detectadas falhas na criação, incluindo rupturas. A partir daí, um dos criadores (com nome de Sonny aqui na Terra) vem a sua criação para fechar essas rupturas e, enquanto cumpre isso, acontecem imprevistos que atrasam o andamento da missão. Imprevistos esses que são cheios de suspense e adrenalina que te prendem do início ao fim da leitura. 

Enquanto permanece aqui para cumprir sua missão, Sonny conhece a humanidade de perto e começa a analisar cada ser humano e seu comportamento. As suas críticas em relação a nós só me fizeram refletir sobre o que somos e qual nosso propósito aqui, inclusive a repensar algumas atitudes.

O que mais me prendeu nessa leitura foi a filosofia aplicada em cada parte do livro.

"[...] humanos vivem pouco em qualquer perspectiva, e vivem muito sonhando com uma vida de dinheiro, crescem seguindo o exemplo da maioria e ficam estudando algo que não gostam e trabalhando para ter algo que não podem ter de graça, e quando acordam o tempo passou, e agora não há mais vida para sonhar com o dinheiro que, sem perceber, já não vale mais de nada."

Toda a história é narrada pelo próprio Sonny através de um diário, em forma de relatos da missão, que são enviadas aos demais criadores e aos quais chama de irmãos. No diário, ele conta em detalhes cada passo que dá e todos os acontecimentos, fazendo parecer que você é um dos criadores que está recebendo a mensagem, e assim, você se sente dentro da história. 



Apesar de assistir muitas séries e filmes de ficção científica, ainda não havia lido algum livro dessa categoria, mas posso dizer que foi mais do que ficção científica, foi pura filosofia de vida, que nos faz refletir e repensar muitas coisas.

E você, já leu o livro? Conte-nos o que achou nos comentários. Se ainda não leu, não perca tempo!! O livro está disponível na loja da Amazon. 


 

3 comentários

  1. Eu adoro livros de ficção científica! Essa obra eu ainda não conhecia, mas gostei de saber um pouco mais sobre ela e, principalmente, em saber que a mesma proporciona algumas reflexões. Vou anotar essa dica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh que legal! Então você deve gostar dessa obra. Eu que nunca havia lido, gostei bastante. 😊😊

      Excluir
  2. Não conhecia o livro, achei a premissa bem interessante e parece ser envolvente também. Adoro filmes e séries nesse estilo e acho que esse daria uma ótima adaptação.
    bjo

    ResponderExcluir